Nos últimos meses, a Apple anunciou uma mudança significativa em sua política de compras in-app, a taxa de 30% da Apple afeta diretamente os anúncios promovidos no Facebook e Instagram. A imposição desta sobre anúncios está a causar um alvoroço entre os anunciantes, especialmente aqueles que dependem fortemente das plataformas da Meta para alcançar seu público-alvo. Esta mudança é parte de uma tendência maior onde a Apple busca monetizar as transações realizadas dentro de seu ecossistema, gerando um debate considerável entre os anunciantes que dependem fortemente do marketing nas redes sociais.

Taxa de 30% da Apple

A política da Apple exige que qualquer compra de bens ou serviços digitais através de aplicativos iOS utilize o sistema de compras in-app da App Store, que inclui uma taxa de serviço de 30%. Esta política agora se aplica aos posts promovidos no Facebook e Instagram, tratando-os como outras compras in-app. De acordo com as diretrizes da Apple, esta taxa é justificada pelo acesso e exposição que os anunciantes obtêm da vasta base de usuários da Apple.

A Meta decidiu transferir este custo adicional diretamente para os anunciantes, em vez de absorvê-lo, o que significa que as empresas que promovem seu conteúdo nestas plataformas verão um aumento significativo em seus custos de publicidade se usarem os aplicativos iOS para transações

Impacto para os  Anunciantes

Esta taxa tem um impacto maior para as pequenas e médias empresas e negócios, que muitas vezes dependem das redes sociais para a sua publicidade e promoção de produtos. A nova política da Apple pode levar a um aumento dos custos operacionais, o que pode ser insustentável para muitos negócios mais pequenos.

A Meta defende que esta medida é anti-competitiva, pois dá à Apple uma vantagem injusta, especialmente tendo em conta que as plataformas da Meta geram tráfego significativo para a Apple​

Como Evitar a Taxa de 30%

Felizmente, existem estratégias que os anunciantes podem adotar para evitar esta taxa. Aqui estão algumas opções eficazes:

Utilizar Web Browsers (Desktop) Diretamente no gerenciador de anúncios: Uma das formas mais simples de evitar a taxa é gerir as campanhas publicitárias através dos sites Facebook.com ou Instagram.com diretamente no gerenciador de anúncios, em vez de utilizar as aplicações iOS. Este método contorna o sistema de compras in-app, evitando assim a taxa de 30%

Adicionar Fundos Pré-pagos através de Navegadores: Os anunciantes podem adicionar fundos às suas contas de publicidade da Meta utilizando um navegador desktop ou mobile. Estes fundos podem ser utilizados para promover posts nas aplicações iOS sem incorrer na taxa de serviço, desde que a adição dos fundos ocorra fora do ambiente das aplicações​

Explorar Plataformas de Publicidade Alternativas: Diversificar as estratégias de publicidade para incluir outras plataformas menos impactadas por estas taxas pode ser uma solução a longo prazo. Plataformas como o Google Ads ou outras redes sociais podem oferecer alternativas viáveis ​​e menos onerosas.

 

A introdução da taxa de 30% da Apple sobre os posts promovidos nas aplicações do Facebook e Instagram no iOS representa um desafio para os anunciantes. Mas, ao adotar as estratégias mencionadas, as empresas podem mitigar o impacto financeiro desta taxa e continuar a tirar partido do marketing nas redes sociais de forma eficiente.

Manter-se informado sobre estas mudanças e adaptar as estratégias de publicidade são passos importantes para garantir que os negócios se mantêm competitivos e rentáveis.

 

consulte fontes como Search Engine Land, MacRumors e Engadget.

 

trafego pago portugal porto
portugal

 

Deixe um comentário